O início da caminhada


Deus e homem, mundo e sociedade formam uma comunidade primordial do ser. A comunidade, com sua estrutura quaternária, é e não é um dado da experiência humana. É um dado da experiência na medida em que é conhecida pelo homem em virtude da participação deste no mistério de seu ser. Não é um dado da experiência na medida em que não se apresenta à maneira de um objeto do mundo exterior, mas só é cognoscível pela perspectiva da participação nela.


Eric Voegelin, Ordem e História


O grande filósofo Eric Voegelin considerava que a nossa existência era estabelecida por uma estrutura quaternária, formada por:

  • Deus
  • Homem
  • Mundo
  • Sociedade


Ortega y Gasset, outro grande filósofo contemporâneo, considerava esta existência a integração de dois fatores: Yo soy yo y mi circunstancia y si no la salvo a ella no me salvo yo. Considerava que tínhamos dois impulsos para chegarmos à nossa totalidade, um voltado para nosso interior e outro para tudo que está em torno de nós. Contemplar o mundo era o caminho para entender a nós mesmos.

caminhada

Estes são os grandes temas deste site, uma reflexão constante sobre a condição humana, desde a individualidade até Deus, passando pela sociedade e mundo que nos cerca. 

Trata-se de um projeto bem pessoal. Minhas credenciais? Não sou filósofo, nem teólogo, nem cientista social. Profissionalmente sou um engenheiro, como um tal de Sócrates foi antes de mim. Há cerca de 6 anos tive uma epifania e meu surgiu meu interesse pela filosofia. Segui o caminho de qualquer um que sente este despertar, me empolguei e sem qualquer discernimento fui lendo tudo que caia em minhas mãos, despertando um tolo orgulho de estar me tornando uma pessoa culta. Fui aprender que estava apenas tomando uma primeira noção da minha ignorância.

Mais ou menos na mesma época criei um blog, inicialmente para registrar minhas experiências sobre o mestrado, mas que logo se tornou testemunha de meu relacionamento com este universo cultural imenso que constitui a tradição humana e todas as minhas ingenuidade e erros grosseiros.

Nestes anos que se passaram as coisas se tornaram muito grandes para um simples blog, e muito desorganizadas também. Com este espaço pretendo organizar um pouco a casa e tentar entender a integração de todo o conhecimento que comecei a tatear, como um homem que subitamente perde a visão e é obrigado a se relacionar com o mundo de uma nova maneira. 


u© MARCOS JUNIOR 2013