As xilogravuras de Dürer

Uma das coisas que herdei da minha avó foi um livro de capa de couro das obras de Allan Kardec, bem semelhante a uma Bíblia. Sempre me interessei pelos desenhos que ilustravam o livro; todos em preto e branco e do mesmo autor. Tratavam-se de temas da Bíblia, como a Queda, o Éxodo, Moisés, Ruth e tantos outros. Com certeza não foram feitos para o livro de Kardec. Imagino que tenham aproveitado de alguma edição da Bíblia, trocando apenas o texto.

Há coisa de uns dois anos, descobri uma edição de A Divina Comédia que possuíam desenhos do mesmo artista. Seu estilo é inconfundível, não tinha como errar. Foi quando descobri um dos grandes nomes do renascimento nórdico,  Albrecht Dürer (1471-1528). Nascido em Nuremberg, ele foi o primeiro artista a utilizar em toda sua potencialidade a invenção de Gutemberg, a máquina de impressão.

O que eu não sabia era que os desenhos que tanto me impressionaram não tinham sido feitos em papel e lápis, mas impressos no processo de xilogravura, aproveitando a nova invenção para popularizar seus livros. Dürer entalhava as matrizes em madeira para serem impressas na invenção de Gutemberg.

No livro Creators, o historiador Paul Johnson tem um capítulo sobre Dürer, que li ontem. Ele cita três obras primas em xilogravura  feitas pelo artista. Elas são riquíssimas e já conhecia uma delas através de uma aula que tive sobre Thomas Mann. O desenho Melancolia (1514) é citado no livro A Montanha Mágica e trata da questão do determinismo, através dos símbolos astrológicos. Amigo de Lutero, Dürer acreditava na predestinação das almas e portanto a vida do homem já estava determinada em seu nascimento. O quadrado mágico que aparece no alto e a direita do desenho tem diversos significados astrológicos. A soma de suas linhas, colunas e diagonais dão 34, símbolo de Júpiter. As interpretações são riquíssimas; e ainda estou explorando-as.

Finalizo com as três imagens apontadas por Johnson; lembrando que foram feitas em xilogravura, o que é ainda mais impressionante. :


 

Albrecht_Dürer_-_Knight,_Death_and_the_Devil

O Cavaleiro, Morte e o Diabo (1513)


Dürer-Hieronymus-im-Gehäus

São Jerônimo em seu Estúdio (1514)



Dürer_Melancholia_I

Melancolia (1514)


u© MARCOS JUNIOR 2013